Freguesia de Santa Luzia

População: 2600

Actividades económicas: Comércio, agricultura, prestação de serviços e indústria

Festas e Romarias: Espírito Santo e Santa Luzia (13 de Dezembro)

Património: Memória, igreja, escolas, impérios, ermida, chafariz e solar Madre de Deus

Outros Locais: Zona verde do Bairro de Santa Luzia

Artesanato: Trabalhos em vime

Colectividades: C. T. P. S. João de Deus

Orago: Santa Luzia

 

DESCRITIVO HISTÓRICO

Situada num dos extremos da cidade, a freguesia de Santa Luzia de Angra do Heroísmo encontra-se numa das partes mais altas da povoação.

Refere Américo Costa na sua “Corografia de Portugal”: Tem vigário, cura e tesoureiro; e um seu vigário, Ambrósio de Sousa Fagundes, teólogo, e bom pregador, daí foi para cónego da Sé.”

Em 1595, Santa Luzia era elevada a paróquia independente. A ermida da mesma invocação já existia, em substituição de uma mais antiga que se encontrava no local.

Nesta freguesia, o destaque maior terá de ir obviamente para a Memória. Conforme referia o já citado Álamo de Oliveira, “a memória de todos os sentidos”, da qual se abarca uma visão privilegiada sobre toda a cidade. Dali, justifica-se bem a elevação de Angra do Heroísmo a património mundial da humanidade. De resto, merece referência o solar da Madre de Deus e a esplêndida mancha verde do bairro de Santa Luzia.

Com cerca de dois mil e seiscentos habitantes, esta freguesia tem como principais actividades económicas o comércio, a agricultura, os serviços e a indústria.

Quanto à igreja matriz, é de uma só nave e tem cinco altares. Salientam-se as imagens sagradas do orago, de Santa Teresinha e do Sagrado Coração de Jesus.

No que diz respeito à ermida de S. João de Deus, foi edificada por ordem do capitão João de Ávila, em 1657. Inicialmente dedicada a Santo Isidro, foi restaurada em finais do século XIX. Tem diversas imagens sagradas, entre as quais as de S. João, Santo Isidro e Nossa Senhora do Parto.

A ermida de Madre de Deus, no solar do mesmo nome, foi construída em 1732 por iniciativa do fidalgo Vital de Bettencourt e Vasconcelos. Em pequenos nichos, as esculturas de Santa Ana, S. Joaquim e Nossa Senhora da Madre de Deus

 

Pin It